Informativo eletrônico que amplia a compreensão do nosso principal foco: as pessoas, seus comportamentos e como elas evoluem.

O NOVO B2B


14/04/2002
Após o estouro da bolha, o comércio B2B on-line ainda se mantém como uma opção e muitos crêem que ele virá a substituir o tradicional processo de compra e venda.
Surge, para as empresas que querem comercializar usando a Internet, 3 modelos de mercado eletrônico:
- portais independentes &8211; são as &8220;praças&8221; de comércio eletrônico criadas para atender a um setor específico ou a um grupo de produtos. É difícil encontrar casos reais de sucesso. Acredita-se que eles não serão o modelo dominante da revolução &8220;ponto.com"
- portais setorias patrocinados &8211; foram um dos mecanismos encontrados pela empresas tradicionais para contra-atacar as &8220;ponto.com&8221; com estratégias próprias. O seu papel é o de enfatizar a definição de padrões, as compras indiretas, a criação de competências para aquisição direta de materiais e fornecimento de conteúdo comunitário do setor.
- portais privados &8211; aproveitam sistemas existentes para ampliar a colaboração na cadeia de fornecimento e a visibilidade. Ele ainda embasa a estratégia e as exigências próprias de uma empresa e é usado para se obter um nível de intimidade com os parceiros comerciais. Uma das suas grandes vantagens é a adaptabilidade.
O B2B continua a evoluir e as empresas estão utilizando os portais para fazer compras e vendas de forma mais eficiente e para trocar informações. Aquelas que não se derem conta disso, arriscam-se a perder mais terreno para a concorrência.