Informativo eletrônico que amplia a compreensão do nosso principal foco: as pessoas, seus comportamentos e como elas evoluem.

BELEZA ROUBADA


19/04/2004
BELEZA ROUBADA

Os homens assumiram de vez que ser bonito ou querer ser, não é pecado e a indústria dos produtos "for men" é  que está faturando alto, cerca de R$800 milhões por ano.

Segundo a ABIHPEC - Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, até 1998 o índice de rejeição quanto à compra de produtos de beleza para homens era de 99%, hoje, este índice é de 6%. Só de hidratantes foram R$300 milhões em 2003 e o percentual de homens que usam cosméticos especiais é de 21%, devendo atingir os 50% em 2005, de acordo com a L´Oréal.

Os ícones destas mudanças são Giorgio Armani, Brad Pitt, David Beckham, Rodrigo Santoro e uma infinidade de outros mais, os chamados metrossexuais - termo cunhado pelo jornalista americano Mark Simpson em 1994. Os metrossexuais são homens das grandes cidades, entre 25 e 50 anos, com alto poder aquisitivo, heterossexuais, bem sucedidos, refinados, modernos, gentis, bem-humorados e que gastam cerca de 30% do salário em roupas, cremes e tratamentos, mais especificamente, 15% em cosméticos.

Em recente pesquisa, o ranking dos narcisos coloca a Venezuela em 1º lugar com a média de 56%; em 2o o México com 42%; em 3o a Rússia com 41%; em 4o a Turquia com 36%; em 5o a África do Sul com 35%; em 6o as Filipinas com 32%; em 7o o Brasil com 30%; em 8o a Arábia Saudita com 28%; em 9o os Estados Unidos com 22% e em 10o a Indonésia com 21%.