Informativo eletrônico que amplia a compreensão do nosso principal foco: as pessoas, seus comportamentos e como elas evoluem.

A CEREJA DO BOLO É CHINESA


31/01/2011

As grifes mais luxuosas do mundo estão chegando à China. As grandes marcas de artigos de luxo abriram cerca de 80 lojas no país em 2010, contribuindo para o crescimento do segmento por lá, que chegou a 14%. Mas, por enquanto, os chineses ainda preferem as compras na Europa. Isto porque os preços na China são mais altos, por conta das taxas de importação, e não há tantas opções de escolhas. Em 2010, 2,5 milhões de chineses visitaram o velho continente, gastando US$ 23,4 bilhões em artigos como bolsas, relógios, jóias e cosméticos.

Os europeus agradecem, já que depois de cair 9% em 2009, as vendas desses produtos devem aumentar em 6% em 2010. Para o executivo-chefe da Hermès,  Patrick Thomaz, os "turistas chineses são a cereja do bolo". Os visitantes da China ajudaram a aumentar as vendas da empresa na Europa em 19%.