Informativo eletrônico que amplia a compreensão do nosso principal foco: as pessoas, seus comportamentos e como elas evoluem.

APENAS UM ACESSÓRIO


20/02/2008
    Incentivada pela popularidade de seus filmes e sua música na Ásia, a  Coréia do Sul está se posicionando como centro de cirurgias plástica. Virou febre as plásticas para alongar o rosto entre os coreanos. O governo deu uma ajudinha para que a mania pegasse literalmente, tornou dedutível dos impostos esse tipo de cirurgia. E mais, está alocando 1,3 milhão de dólares para \'vender\' a Coréia como um grande centro de cirurgias cosméticas. Os médicos do país costumam dizer que as cirurgias plásticas viraram "apenas um acessório". Hoje, o as plásticas se tornaram um presente corriqueiro dos pais aos filhos que entram em alguma universidade. Fruto de uma preocupação com o futuro dos seus filhos. Na Coréia há um ditado que afirma que você tem uma tratamento especial se é bonita. Mais de 80% dos 761 executivos especializados em recrutamento consultados em um levantamento apontaram como imprescindível a aparência (lê-se "ol jjang, mom jjang - belo rosto, belo corpo").